A ciência da compaixão

Maria Popova, curadora do site Brain Pickings, esteve na conferência da PopTech deste ano e contou que uma das melhores palestras a que assistiu foi a do psicólogo David DeSteno, diretor do Northeastern University’s Social Emotions Lab.

DeSteno falou sobre compaixão e resiliência – temas que sempre me interessam muito.

A compaixão que sentimos não é determinada pelos fatos objetivos. É determinada por quem está olhando. Não é a gravidade dos fatos de um desastre que nos motiva a sentir compaixão e ajudar – é se nós nos vemos ou não entre as vítimas.

Vale clicar no play e perder 18 minutos do seu dia repensando sobre essas questões:

David DeSteno também é coautor do livro “Out of Character: The Psycolhology of Good and Evil”. Saiba mais aqui.

from Update or Die http://da.feedsportal.com/c/34504/f/629198/s/24f47cc7/l/0L0Supdateordie0N0C20A120C10A0C270Ca0Eciencia0Eda0Ecompaixao0C/ia1.htm

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s